Rui Chafes e Nuno Brandão Costa vencem Prémios AICA 2021

Saber | Prémios
©AICA
  • Data

    11.04.22

O escultor Rui Chafes e o arquiteto Nuno Brandão Costa foram distinguidos, por unanimidade, com os prémios da Associação Internacional de Críticos de Arte (AICA), para artes visuais e arquitetura.

O Prémio AICA de Artes Visuais foi atribuído a Rui Chafes, pela exposição individual "Nada Existe", realizada na Galeria Filomena Soares, em Lisboa, em 2021, enquanto que o Prémio AICA de Arquitectura foi atribuído a Nuno Brandão Costa, pela obra do Terminal Intermodal de Campanhã, no Porto, cujos edifícios foram concluídos em 2021.

Atribuídos em parceria com o Ministério da Cultura e a Fundação Millennium bcp, o Prémio AICA/MC/Millennium bcp 2021, no valor de 10.000 euros para cada modalidade, foi atribuído na sequência da apreciação de um júri independente, nomeado pela associação.

Saber mais: AICA

Veja Também