Maria Inácia Rezola é nova comissária para as comemorações do 50.º aniversário da Revolução de 25 de Abril

Saber | Cultura
  • Data

    21.04.22

A historiadora e professora Maria Inácia Rezola foi hoje nomeada Comissária Executiva da Estrutura de Missão para as Comemorações do quinquagésimo aniversário da Revolução do 25 de Abril de 1974, por Resolução do Conselho de Ministros.

Maria Inácia Rezola y Palacios Clemente (Leiria, 1967) é licenciada, mestre e doutorada em História, especialidade de História Institucional e Política Contemporânea, pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade de Lisboa, com uma tese intitulada “Os Militares na Revolução de Abril. O Conselho da Revolução e a Transição para a Democracia em Portugal” (2004).

É, desde 1997, docente da Escola Superior de Comunicação Social do Instituto Politécnico de Lisboa, onde coordena a secção de Ciências Humanas e a comissão editorial da revista Comunicação Pública. Enquanto investigadora, tem dirigido e integrado equipas de trabalho em colaboração com diferentes instituições. Comissariou as exposições “Todos às Urnas” – As eleições para a Assembleia Constituinte de 25 de Abril de 1975 (Assembleia da República, 2015), Revolução e Democracia – do 25 de Abril ao 25 de Novembro (Câmara Municipal de Lisboa, 2015) e A Prova do Tempo (Assembleia da República, 2016).

Foi coordenadora dos grupos de investigação «História Política Comparada- Regimes, Transições, Colonialismo e Memória» (2016-2019) e «Revolução e Democracia» (2008-2012) do Instituto de História Contemporânea-FCSH/UNL, unidade de investigação da FCT – I&D de que é investigadora desde 1995 e de cuja direção fez parte em dois períodos (2005-2011 e 2016-2021).

É autora ou coautora dos seguintes títulos: “Os Militares na Revolução de Abril. O Conselho da Revolução e a Transição para a Democracia em Portugal (1974-1976)” (Campo da Comunicação, 2006); “25 de Abril – Mitos de uma Revolução” (Esfera dos Livros, 2007); “Melo Antunes, uma biografia política” (Âncora, 2012); “Democracia, Ditadura, Memória e Justiça Política” (com Irene Pimentel, Tinta da China, 2014); “Obras escolhidas de José Medeiros Ferreira– História Política e Institucional” (Edições 70, 2018); e cocoordenadora do “Dicionário de História de Portugal – o 25 de Abril”, 8 Vols. (Figueirinhas, 2016-2018).

Maria Inácia Rezola sucede no cargo a Pedro Adão e Silva, que a 30 de março último assumiu a pasta da Cultura no XXIII Governo Constitucional. A Estrutura de Missão que promove e organiza as comemorações do quinquagésimo aniversário da Revolução do 25 de Abril de 1974, criada pela Resolução do Conselho de Ministros n.º 70/2021, de 4 de junho, compreende uma Comissão Executiva responsável pela elaboração e concretização do respetivo programa oficial.

Fonte: Ministério da Cultura

Veja Também