Assinado contrato de concessão da Casa do Outeiro no âmbito do Revive

Saber | Património
  • Data

    29.11.21

O contrato de concessão para a reabilitação e exploração turística da Casa do Outeiro, em Paredes de Coura, distrito de Viana do Castelo, foi assinado com a empresa AGNT – Gestão e Mediação, Lda.

O imóvel, será entregue por 50 anos, para recuperação e exploração turística, incluindo alojamento e componente cultural, num investimento estimado na ordem dos 5,4 milhões de euros, com início de exploração previsto para 2023.

O concessionário obriga-se, ainda, a pagar ao Estado uma renda anual de 19.801,00 euros pela concessão.

Até ao momento foram lançados concursos para a concessão de 24 imóveis no Revive, tendo sido adjudicadas 20 concessões, que representam um investimento total estimado em cerca de 149,5 milhões de euros e rendas anuais na ordem dos 2,5 milhões de euros.

Esta iniciativa conjunta dos Ministérios das Economia, Finanças, Defesa e Cultura, com a colaboração das autarquias locais e a coordenação do Turismo de Portugal, promove a requalificação e subsequente aproveitamento turístico destes imóveis históricos, atualmente sem utilização, através da concessão da sua exploração, por concurso público, a entidades privadas, para o desenvolvimento de uma atividade económica lucrativa com vocação turística e o reforço de atratividade dos destinos regionais, contribuindo para o desenvolvimento das várias regiões do país.

O Programa Revive foi lançado em 2016/2017 com 33 imóveis, tendo sido integrados 16 novos imóveis numa segunda fase do programa em 2019 e, pelo Despacho n.º 6124/2021 de 23 de junho, foram integrados 2 novos imóveis de um terceiro lote que deverá ser totalmente anunciado em breve.

Fonte: Portugal.gov.pt

Veja Também