DGARTES apoia participação portuguesa no FIT Cádiz 2021

Saber | Teatro
  • Data

    15.10.21

A peça "Carta", da atriz e encenadora portuguesa Mónica Calle, irá inaugurar, hoje, o 36.º Festival Ibero-Americano de Teatro de Cádiz, no Gran Teatro Falla.

Apoiada pela DGARTES, a presença portuguesa conta ainda com a participação de "Habrás de ir a la guerra que empieza hoy" de Pablo Fidalgo Lareo, uma coprodução de 2015 entre Portugal e Espanha que envolve o Teatro Municipal Maria Matos (Lisboa), o Espaço Alkantara (Lisboa), o Festival TNT (Terrassa), o Festival BAD (Bilbao) e o Festival de Otoño a Primavera (Madrid). A peça, um monólogo de Cláudio da Silva, será apresentada nos dias 29 e 30 de outubro, na Central Lechera. De realçar, ainda, a participação de inúmeros programadores e gestores culturais portugueses, entre outros profissionais das artes.

O FIT tem como principais objetivos "repensar os modelos artísticos e de gestão em termos de sustentabilidade e colaboração e contribuir para a geração de tecidos e espaços de apoio à criação, à investigação de novas linguagens, à produção e coprodução, à exposição e à distribuição internacional".

A organização do FIT - Cádiz 2021, que decorre até 31 de outubro de 2021, conta com o apoio do Ministério da Cultura, através da DGARTES, e dos Negócios Estrangeiros, através do Instituto Camões e do Consulado-Geral de Portugal em Sevilha.

Fonte: DGARTES

Veja Também