Espólio documental de Leitão de Barros doado à Fundação Calouste Gulbenkian

Saber | Cinema
© Fotografia Estúdio Horácio Novais © Biblioteca de Arte Gulbenkian
  • Data

    07.01.21

Por doação da família, a Fundação Gulbenkian recebeu o espólio documental de José Leitão de Barros (1896-1967), "autor prolífico e personagem relevante na paisagem cultural do século XX português", e que será integrado na Biblioteca de Arte.

Este espólio é constituído por um conjunto diversificado de documentação, que inclui correspondência, espécies fotográficas produzidas no âmbito da sua atividade cinematográfica e manuscritos de argumentos para filmes, de crónicas para imprensa e de textos de teatro.

A documentação agora entregue será disponibilizada para consulta à medida que for sendo tratada e integrada no catálogo da Biblioteca de Arte da Fundação Gulbenkian.

Saber mais: Gulbenkian

Fonte: Gulbenkian

Veja Também