Finalistas do Prémio Oceanos 2020

Saber | Prémios
  • Data

    26.11.20

São 10 as obras finalistas ao Prémio Oceanos 2020 - Prémio de Literatura em Língua Portuguesa.

As obras selecionadas compreendem seis romances, dois livros de poemas, um de contos e um de crónicas, sendo que entre os autores finalistas, sete são brasileiros e três são portugueses.

Entre as dez obras finalistas, três foram editadas em dois países, no Brasil e em Portugal: A ocupação, do brasileiro Julián Fuks; Autobiografia, do português José Luís Peixoto, e Torto arado, do brasileiro Itamar Vieira Junior.

A lista contempla as obras: 

A cidade inexistente, de José Rezende Jr. (7Letras) - romance brasileiro
A ocupação, de Julián Fuks (Companhia das Letras Brasil e Portugal) - romance brasileiro
A visão das plantas, de Djaimilia Pereira de Almeida (Relógio D’Água) - romance português
As durações da casa, de Julia de Souza (7Letras) ~ poesia brasileira
As solas dos pés de meu avô, de Tiago D. Oliveira (Patuá) - poesia brasileira
Autobiografia, de José Luís Peixoto (Quetzal, em Portugal, e TAG Livros, no Brasil) - romance português
Carta à rainha louca, de Maria Valéria Rezende (Alfaguara) - romance brasileiro
Obnóxio, de Abel Barros Baptista (Tinta-da-China) - crônicas portuguesas
Sombrio ermo turvo, de Veronica Stigger (Todavia) - contos brasileiros
Torto arado, de Itamar Vieira Junior (Todavia, no Brasil, e LeYa, em Portugal) - romance brasileiro

Os vencedores serão divulgados no dia 18 de dezembro de 2020. 

O Prémio Oceanos tem o patrocínio do Banco Itaú, da CPFL Energia, do Instituto CPFL e do Governo de Portugal, através do Fundo de Fomento Cultural Português.

Veja Também