Cultura e Imprensa Nacional promovem leitura e setor livreiro

Saber | Livro
©Pexels
  • Data

    30.09.20

A Ministra da Cultura, Graça Fonseca, presidiu no dia 28 de setembro, na Biblioteca Nacional de Portugal, em Lisboa, à assinatura de dois memorandos de entendimento no âmbito da promoção da língua e cultura portuguesas.

O primeiro memorando prevê o incremento de ações conjuntas na promoção da leitura e dos níveis de literacia, no desenvolvimento do setor do livro e na defesa do património arquivístico, literário, bibliográfico e documental português, tendo sido assinado pela Imprensa Nacional – Casa da Moeda (INCM), a Direção-geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas (DGLAB) e a Biblioteca Nacional de Portugal (BNP). 

O segundo memorando visa o desenvolvimento e operação de uma nova loja online para venda de livros das livrarias associadas da RELI e foi assinado entre a INCM, a DGLAB, a BNP e a Associação RELI – Rede de Livrarias Independentes.

A plataforma será integrada no sítio da Imprensa Nacional e irá permitir também a promoção de atividades conjuntas da DGLAB, BNP e INCM bem como o registo de outras livrarias em condições e requisitos a definir pela INCM.

Estão ainda previstas medidas como a criação de uma coleção para Autores Portugueses em Língua Estrangeira, a incorporação, por doação, do arquivo da INCM no Arquivo Nacional da Torre do Tombo, a instituição de duas bolsas de criação literária Imprensa Nacional, e a criação, para disponibilização às bibliotecas da RNBP, de uma coleção dos ebooks das edições da BNP, numa plataforma que permite o empréstimo aos leitores.

Fonte: Imprensa Nacional

Veja Também