Monumentos Nacionais: impactos decorrentes da COVID-19 - OPAC

Saber | Património
©Pexels
  • Data

    02.07.20

O OPAC divulgou o Estudo Os Monumentos Nacionais de Portugal e a Abertura ao Público: impactos decorrentes da COVID-19, realizado entre 17 de abril e 20 de junho de 2020.

Neste relatório, disponível para consulta online, apresentam-se os resultados de um inquérito realizado pelo OPAC sobre o impacto da pandemia provocada pelo novo Coronavírus (COVID-19), e que procurou identificar que atividades realizaram e que medidas tomaram os Monumentos Nacionais (MN) portugueses na sequência do  encerramento ao público e ainda que respostas, que medidas, que políticas se podem então antecipar face às mudanças e que desafios se colocam a curto e médio prazo.

O OPAC - Observatório Português das Atividades Culturais é uma estrutura constituída em dezembro de 2018 no Iscte-Instituto Universitário de Lisboa no quadro do Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES).

Saber mais: Os Monumentos Nacionais de Portugal e a Abertura ao Público: impactos decorrentes da COVID-19

Veja Também