BoCA Bienal com programação online

Saber | Artes
  • Data

    15.04.20

No dia 20 de abril de 2020 arranca o BoCA Online, um ciclo de programação que acontece "no espaço online (não-lugar) e com uma duração em aberto (não-tempo)".

A Bienal BoCa de Artes Contemporâneas delineou uma programação online que integrará conversas, vídeos da Tate Modern, performances, contando com criadores como Gonçalo M. Tavares e Mariana Monteiro, que visa reflletir sobre o "estado do mundo e sobre as arquiteturas do sensível que habitamos agora: o corpo, a casa e a câmara, elementos que são referências centrais da história da experimentação artística".

Ao todo serão seis atividades semanais, "#bocaonline é diverso, transdisciplinar e dialoga entre o passado e o presente: comissiona novas criações - Homework; apresentação live streaming de performances em casa - Live Streaming; exibição de vídeos e filmes de artistas de coleções (parceria BoCA x Tate Modern e BoCA x Coleção Fundação de Serralves) e do arquivo BoCA - Press Play; conversas online para as quais convida artistas, pensadores, cientistas, ativistas, curadores ou políticos - Conversas Online; uma nova versão de #ecotemporaneos, que alia a fotografia, a natureza e a literatura dentro de casa - Ecotemporâneos; e a plataforma #bocasub21, dedicada a jovens entre 16-21 anos, num formato online para o qual abrimos hoje um open call - BoCA Sub21".

A BoCA – Biennial of Contemporary Arts é um projeto bienal e independente de artes contemporâneas, fundado em 2015 e sediado na cidade de Lisboa.

Saber mais: BoCA 

Veja Também