A CINEMATECA, A DIFUSÃO EM LINHA E A SALA DE CINEMA

Saber | Cinema
©Pexels
  • Data

    13.04.20

A Cinemateca Portuguesa anunciou a abertura de uma "frente de contacto com o seu público" através do acesso em linha, que será acrescentada e (ou) renovada ao longo das próximas semanas, designada “Gestos & Fragmentos”, caraterizada como “filmes, outras peças museográficas e registos da vida da Cinemateca”.

Na fase de arranque, serão introduzidas quatro plataformas:

- “Filmes para ver esta semana” que disponibilizará de forma temporária uma série de longas-metragens do cinema português, preservadas e digitalizadas em alta definição;

- "A Cinemateca Júnior vai a casa" com inauguração de um conjunto maior de iniciativas da Cinemateca Júnior pensadas para este período de isolamento, nomeadamente acesso a um dos espetáculos de Lanterna Mágica empreendidos na sala do Palácio Foz, e os primeiros de uma série de programas constituídos por filmes já acessíveis na secção “Cinemateca Digital”;

- “O museu vai a casa” que dará a conhecer uma série de vidros originais de Lanterna Mágica do século XIX, da coleção de objetos de pré-cinema, neste caso visionáveis como um pequeno filme;

- A quarta plataforma designada por “Textos & Imagens”, dedicada a reflexões suscitadas por itens do acervo do Centro de Documentação e Informação, retomada com uma análise do livro “I was Interrupted” - escritos de Nicholas Ray.

A Cinemateca Portuguesa refere ainda que "no que está ao nosso alcance, a Cinemateca contribuirá para esse esforço mais alargado, e é, e será sempre, parte desse pensamento, dessas emoções e dessa defesa".

Saber mais: A CINEMATECA, A DIFUSÃO EM LINHA E A SALA DE CINEMA

Veja Também