Dia Mundial da Poesia 2020

Saber | Livro
  • Data

    06.03.20

No dia 21 de março de 2020 comemora-se o Dia Mundial da Poesia. 

A Direção Geral do Livro, dos Arquivos e das Biblioteca - DGLAB - associa-se a esta iniciativa, que decorrerá no Centro Cultural de Belém, e que este ano assinala o centenário do nascimento de Amália Rodrigues (Lisboa, 1920 – Lisboa, 1999).

"O interesse pela poesia erudita é mais uma novidade imposta pela fadista. Assim, logo no início da década de 1950, Amália Rodrigues grava "Fria Claridade" de Pedro Homem de Mello e, em 1953, "Primavera" de David Mourão-Ferreira. A colaboração com estes dois poetas será uma constante e outros fazem parte, posteriormente, das suas interpretações, caso de Luiz Macedo e Sidónio Muralha (1954), Alexandre O’Neill (1964), José Régio (1965), Vasco de Lima Couto (1967), ou Manuel Alegre e José Carlos Ary dos Santos (1970)." (galaico-portugueses, o Cancioneiro de Garcia de Resende e Camões, que resultarão em discos de referência na história do Fado: "Fado Português", "Fado’67", "Vou dar de beber à dor" e "Com que voz".

"Amália foi autora de muitos poemas que interpretou e editou em disco, e alguns deles estão entre as faixas que mais a celebrizaram. Estes poemas foram editados no livro "Versos" da editora Cotovia, em 1997".

Fonte: DGLAB / Museu do Fado

Veja Também