Plano Indicativo da Ação Cultural Externa para 2020

Saber | Artes
  • Data

    20.02.20

O Ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, e a Ministra da Cultura, Graça Fonseca apresentaram, no dia 19 de fevereiro no Ministério dos Negócios Estrangeiros, o Plano Indicativo da Ação Cultural Externa para 2020, uma iniciativa conjunta que visa internacionalizar a cultura portuguesa e projetar "a imagem de Portugal no mundo".

Na apresentação, a Ministra da Cultura fez um balanço do Programa de Ação Externa em 2019, que contou com 1.850 ações e iniciativas em 84 países, com particular destaque para a celebração dos 500 anos da viagem de circum-navegação e do centenário do nascimento de Sophia de Mello Breyner Andresen.

O Ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros deu a conhecer as prioridades do Plano para 2020, onde se destaca a promoção internacional da língua portuguesa e do fado, através da celebração do centenário do nascimento da fadista Amália Rodrigues.

O Programa de Ação Cultural Externa, que envolve as áreas dos Negócios Estrangeiros, Cultura e Economia, é coordenado pelo Camões - Instituto da Cooperação e da Língua, I. P. e pelo Gabinete de Estratégia, Planeamento e Avaliação Culturais (GEPAC).

A apresentação do Plano encontra-se disponível no site do GEPAC.

Veja Também