Prémio Oceanos com 16 escritores portugueses

Saber | Literatura
  • Data

    21.08.18

Dezasseis escritores portugueses estão entre os 60 semifinalistas do Prémio Oceanos, que distingue anualmente as melhores obras publicadas em língua portuguesa.

O Oceanos-Prémio de Literatura em Língua Portuguesa (conhecido até 2014 como Prémio Portugal Telecom de Literatura) é considerado um dos prémios literários mais importantes entre os países de língua portuguesa, a par do Prémio Jabuti ou do Prémio Camões.

O Prémio foi criado em 2003 pela empresa portuguesa de telecomunicações Portugal Telecom para prestigiar e divulgar a literatura brasileira, sendo que a partir de 2007, o prémio passou a estar aberto a autores de todos os países de língua portuguesa. Após a compra da Portugal Telecom pela operadora francesa Altice, o prêmio passou a denomirnar-se Oceanos e a ser organizado pelo Itaú Cultural.

Na selecção de semifinalistas encontram-se autores portugueses como Patrícia Reis com o romance “A construção do vazio”, Luís Quintais com o livro de poesia “A noite imóvel”, Frederico Pedreira com o livro de poesia “A noite inteira”, Luís Osório com o romance “A queda de um homem”, Júlio Henriques com o livro de contos “Alucinar o estrume”, H. G. Cancela com o romance “As pessoas do drama” ou Rui Nunes com o romance “Baixo contínuo”.

A presente edição do Prémio Oceanos contou com a participação de 346 editoras, tendo-se inscrito 1.364 livros.

Os vencedores do Prémio Oceanos deverão ser anunciados no dia 29 de novembro de 2018.

Saber mais: Oceanos-Prémio de Literatura em Língua Portuguesa

 

Veja Também