Lisboa | De 05.01.23 a 26.02.23

Às vezes ponho-me a olhar para uma pedra

Exposições | Artes

Para além de um nome incontornável da escultura contemporânea, João Cutileiro foi um aliado incondicional do Museu Nacional de Arte Antiga. No segundo aniversário do seu desaparecimento, o MNAA evoca a sua memória expondo obras contemporâneas de Teresa Segurado Pavão, artista que reutiliza fragmentos de pedra doados pelo escultor.

Fonte: MNAA

Ver direções

Veja Também